OLÁ, ESTÁS NA

OFICINA GLOBAL

Um espaço para refletir e agir, em língua portuguesa, rumo
à transformação global.

Publicações

ARTIGO EM DESTAQUE

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

Agenda 2030Educação

Educação de qualidade e política linguística nos países africanos de língua portuguesa

Neste artigo, Paulo Feytor Pinto parte da política linguística em países africanos onde o português é a única língua oficial e de ensino para refletir sobre duas dimensões da atual política linguística externa da cooperação portuguesa: a sua política bilateral com cada um dos cinco países e a política multilateral no âmbito da CPLP.

ONDE COMEÇA
A MUDANÇA

O livro Onde Começa a Mudança (How Change Happens, no título original), da autoria de Duncan Green, é para nós leitura obrigatória para todos os que procuram transformar o mundo.

Dowload Gratuito

COVID-19

NOTÍCIAS DA OFICINA

NotíciasSetor privado

Atores corporativos e política: novas táticas de lobbying e regulação

O lobbying tem evoluído enquanto tática de comunicação para influenciar o discurso político e tem também se fundido com outras estratégias. Com isso, é fundamental estabelecer o que são práticas aceitáveis ou não. Uma forma de lobbying que vem sendo ampliada é o patrocínio de pesquisas de think tanks e universidades para gerar evidências que permitam defender um ponto de vista para moldar a opinião pública. As redes sociais também têm sido usadas de forma crescente para amplificar uma determinada perspectiva a alcançar maior influência.

Clima e Meio AmbienteNotícias

Em homenagem ao Dia Mundial da Terra, Oficina Global e NAPA/ISCSP organizam debate sobre as alterações climáticas

“É uma vida difícil, que nos ensina a resistir aos caprichos da natureza e a incerteza das sementeiras; uma vida difícil que lhe vergou o corpo já franzino. Da terra trazia comida para ele, a mulher e os onze filhos. Da terra trazia o dinheiro para comprar roupa e mandar as crianças à escola. Na terra, conservava a memória dos seus antepassados, um diamante que tinha a obrigação de passar intacto às gerações futuras.”

NÃO TE SACIÁMOS
A FOME?

Lê mais artigos especialmente
curados para o teu gosto.

Ver mais